feito

Era o que me apetecia agora: um chá, bolachas e ler o Saul Bellow, mas na verdade estou tão cansada que a única coisa plausível de conseguir fazer é mesmo dormir.

Dois dias de arrumações, pó, papel e livros por todo o lado, muitas dores nas costas. A meio do caminho, a única coisa que conseguia pensar era “porque é que me meti nisto!”. Eu sei porquê: o rapaz estava a dormir encolhido numa cama que precisava de ser esticada, o escritório estava o caos, o quarto dele idem e “it must be”. Está feito, agora férias.

Promessas para o futuro: deitar (no próprio dia) fora todos os papéis que não preciso, tentar que o caos dos livros seja um mini-caos e não a balbúrdia total. Já sei que não vou cumprir nenhuma, mas gosto de expressar boas intenções.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s